Argentina e França eliminadas nos oitavos de final

Mali e Estados Unidos levaram a melhor

• Foto: Reuters

A derrota nos penáltis da Argentina e a inesperada eliminação da favorita França, às mãos dos Estados Unidos (3-2), marcaram esta terça-feira o último dia de oitavos de final do Mundial de sub-20, na Polónia.

A Argentina, seleção com mais historial neste escalão - tem um total de seis títulos -, parecia ter a vitória controlada no prolongamento e que iria afastar em Bielsko Biala uma excelente seleção jovem do Mali, mas acabou por 'consentir' a ida ao desempate nas grandes penalidades, que perdeu 5-4.

Gaich, aos 49 minutos, aproveitou um ressalto de um mau alívio da defesa adversária para adiantar a Argentina, mas o Mali empatou aos 67, por intermédio de Diaby. Ainda não havia um minuto no prolongamento e a seleção 'das pampas' chegava ao 2-1, com o remate de Ezequiel Barco, num remate afortunado, que ressaltou em Diaby - a quem foi atribuído autogolo - no trajeto para a baliza.

O Mali desorientou-se nos minutos seguintes, mas conseguiu regressar ao jogo aos poucos e obteve o golo já um minuto para lá dos 120: um livre marcado muito rapidamente por Koita, que isolou Konte, entrado quatro minutos antes, e este rematou sem hipóteses para o guarda-redes.

Na 'lotaria' das grandes penalidades, Chancalay, que rematou em segundo, permitiu a defesa do Mali, enquanto os africanos foram sempre impecáveis nos remates que fizeram.

Muitos golos também teve o jogo que os gauleses perderam em Bydgoszcz, permitindo a reviravolta no marcador no último quarto de hora da partida.

Sebastian Soto adiantou os Estados Unidos, aos 25, e Gouiri empatou, aos 41. Já na segunda parte, a França acreditou que tinha a eliminatória resolvida, graças ao golo de Alioui, aos 55.

Mas era uma 'ideia errada', já que os EUA relançaram tudo aos 74, novamente por Soto, e embalaram para a vitória, 'selada' com o golo de Rennicks, aos 83.

No outro jogo do dia, a Coreia do Sul saiu-se melhor do duelo asiático frente ao Japão e 'carimbou' a passagem aos 'quartos' com 1-0. O único golo em Lublin para Oh Se-Hun, aos 84 minutos.

Com os jogos de hoje, há uma maioria de seleções das Américas nos quartos de final: são três - Colômbia, Equador e Estados Unidos. A Europa ainda tem a Itália e a Ucrânia, África segue com o Mali e o Senegal e a Ásia com a Coreia do Sul.

O Mundial prossegue na sexta-feira, com os jogos Colômbia-Ucrãnia e Itália-Mali. No sábado, jogam-se Estados Unidos-Equador e Senegal-Coreia do Sul.

Por Lusa
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Mundial Sub20 2019

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.