Quanto dinheiro ganhou cada clube português com a cedência de jogadores às seleções nacionais

Liga das Nações e qualificação para Euro'2020 rendem um total de 766 mil euros aos emblemas

Danilo e Rafa e Pizzi foram cedidos por FC Porto e Benfica, respetivamente, à seleção principal
Danilo e Rafa e Pizzi foram cedidos por FC Porto e Benfica, respetivamente, à seleção principal • Foto: Lusa

Os clubes portugueses vão receber 766.113,01 euros pela cedência de jogadores às seleções nacionais de futebol, na Liga das Nações e no apuramento para o Euro'2020, com o Benfica a arrecadar 42% dos 'ganhos'.

De acordo com os valores entregues pela UEFA aos emblemas lusos, a que a agência Lusa teve hoje acesso, os 'encarnados', campeões nacionais, recebem 321.346,51 euros, quase 42% do montante a distribuir pelos 15 clubes.

O FC Porto surge imediatamente atrás do Benfica, com um encaixe de 116.118,22 euros, seguindo-se o Sporting, com 90.869,89.

Estes montantes referem-se à cedência de jogadores às várias seleções envolvidas na edição 2018/19 da Liga das Nações, conquistada pela seleção portuguesa, e na fase de qualificação para o Euro2020, cuja fase final foi adiada para 2021 devido à pandemia de covid-19.

Nesta hierarquia, destacam-se os montantes recebidos por Desportivo de Chaves (43.100,63 euros), da 2.ª Liga, e Olhanense (34.902,16), do Campeonato de Portugal, que superam os primodivisionários Paços de Ferreira (35.872,23), Vitória de Guimarães (30.772,59) e Famalicão (30.394,45).

Sporting de Braga (16.214,04), Gil Vicente (13.99,01), Tondela (12.160,53), Estoril Praia (8.081,45), Santa Clara (4.447,60), União de Leiria (3.917,15) e Nacional (3.846,57) completam a lista dos 15 clubes lusos beneficiados com a cedência de internacionais às respetivas seleções europeias.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Competições de Seleções

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.