Fases finais da Youth League e 'Champions' de futsal adiadas

Decisão da UEFA perante a pandemia do coronavírus

A fase final da Youth League, que pode ter a participação do Benfica, e a 'final four' da Liga dos Campeões de futsal foram adiadas, devido à pandemia de Covid-19, anunciou esta quarta-feira organismo regulador do futebol europeu.

Os jogos decisivos da UEFA Youth League estavam marcados para 17 e 20 abril, em Nyon, na Suíça, enquanto as meias-finais e final da Liga dos Campeões de futsal, que já não tem participação portuguesa, iriam decorrer em 24 e 26 do mesmo mês, respetivamente, em Minsk, na Bielorrússia.

"A UEFA vai continuar a monitorizar a situação do coronavírus, em contacto com federações e autoridades nacionais, e comunicará o novo calendário das competições quando for oportuno", explicou o organismo, em comunicado publicado no sítio oficial na Internet.

O Benfica é única portuguesa ainda em competição na Youth League e vai defrontar os croatas do Dínamo Zagreb nos quartos de final, também em data a anunciar.

O Sporting é o atual detentor da Liga dos Campeões de futsal, mas esta temporada falhou o acesso à fase final, assim como o Benfica. A prova vai ser disputada pelos espanhóis do Barcelona e do El Pozo ('carrasco' do Benfica) e pelos russos do Tyumen (que eliminou do Sporting) e do KPRF.

A UEFA anunciou igualmente o adiamento, em data a anunciar, do Europeu de sub-17 de futebol feminino, que estava marcado para maio, na Suécia.

A seleção portuguesa, terceira classificada da última edição, qualificou-se para a ronda de elite e irá discutir o apuramento com Espanha, Turquia e Eslovénia, em solo luso.

O coronavírus responsável pela pandemia da Covid-19 infetou mais de 200 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 8.200 morreram. Das pessoas infetadas, mais de 82.500 recuperaram da doença.

O surto começou na China, em dezembro, e espalhou-se por mais de 170 países e territórios, o que levou a Organização Mundial da Saúde a declarar uma situação de pandemia.

Depois da China, a Europa tornou-se o epicentro da pandemia, o que levou vários países a adotarem medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde elevou hoje o número de casos confirmados de infeção para 642, mais 194 do que no dia anterior, e deu conta da segunda morte no país em consequência da pandemia.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Competições de Clubes

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0