Sónia Carneiro: «O país não pode parar, nem o futebol. Não se mudam as regras a meio do jogo»

Diretora-executiva da Liga reage ao adiamento de jogos devido a casos de Covid-19

A diretora-executiva da Liga Sónia Carneiro reagiu este sábado ao adiamento do  Feirense-Chaves (mesmo em cima do início do jogo) e do Ac. Viseu-Académica, referentes à primeira jornada da 2.ª Liga, devido a casos de Covid-19.

"Já na época passada tivemos casos positivos e esses jogadores ficavam em isolamento e o resto da equipa trabalhava normalmente. Queremos que aconteça o mesmo na presente época. A regra que estava definida é que os casos positivos eram isolados e todos os demais continuavam a atividade - é o que está escrito na norma 36 da DGS - e ontem fomos surpreendidos por uma decisão regional distinta desta que indicou que todos os jogadores do Chaves deviam ir para quarentena", afirmou em declarações à SIC, explicando que houve um entendimento diferente por parte do delegado regional de saúde.

E precisou quanto ao que sucedeu ontem no Feirense-Chaves: "Da parte da manhã foram identificado os casos positivos e foram logo colocados em isolamento. A Liga foi notificada às 20h24 num email a dizer que os jogadores tinham de ir para o isolamento, e o jogo estava marcado para as 20 horas... Às 19h55 chegou-nos a informação de de que a decisão da manhã do diretor regional de saúde de Chaves em isolar só aqueles jogadores, afinal, se tinha alterado".

"Fomos bastante além do que nos é imposto pelas autoridades de saúde. A reunião que temos agendada para segunda-feira é no sentido de garantir que o que está na orientação da DGS vai efetivamente aplicar-se para que as competições não só recomecem mas que continuem e terminem. O país não pode parar e o futebol profissional não pode parar. Não se pode mudar as regras a meio do jogo. Todos os diretores regionais de saúde têm de estar informados sobre o que foi determinado", sublinhou.

Sónia Carneiro garantiu que até ao momento não houve registo de mais casos positivos e que como tal será retomada a normalidade dos jogos. 

A Liga tem agendada para segunda-feira uma reunião entre com o Secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, "onde será reiterada a necessidade de implementação das recomendações sob pena de serem colocadas em causa as competições profissionais futebol na época 2020-21".

Por Record
14
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.