Daúto Faquirá afirma que Sp. Covilhã tem plantel que lhe dá mais garantias

Objetivo da equipa da 2.ª Liga é "fazer um campeonato tranquilo"

O treinador do Sporting da Covilhã, Daúto Faquirá, afirma ter um plantel que lhe dá mais garantias, por ser mais equilibrado, e diz que o objetivo da equipa da 2.ª Liga é "fazer um campeonato tranquilo".

"Os objetivos passam por fazer um campeonato tranquilo e na Taça de Portugal ir o mais longe possível. Será uma equipa que procurará atingir rapidamente uma classificação tranquila e tudo aquilo que vier depois será bem-vindo", frisou hoje Daúto Faquirá, em declarações à agência Lusa.

O treinador, que chegou ao emblema serrano em dezembro de 2019, considera ter agora um plantel mais à sua imagem e mais competitivo, com "pelo menos dois jogadores com mais ou menos o mesmo valor para a mesma posição".

O grupo, com 23 jogadores inscritos, não está ainda fechado e são aguardados reforços para o setor atacante.

"Temos um grupo muito equilibrado, os jogadores que virão serão para nos dar mais opções em termos ofensivos", adianta Daúto Faquirá.

O técnico dos leões da serra destaca o "comportamento ótimo" dos jogadores nos jogos de preparação, naquele que é "um processo evolutivo" e está a decorrer "favoravelmente".

Segundo Daúto Faquirá, os adeptos podem esperar uma equipa com bola e à procura de controlar os jogos, embora com capacidade de se adaptar e encontrar soluções quando essa filosofia não for possível, para aliar boas exibições aos resultados.

"Será uma equipa sempre à procura dos três pontos, a praticar um futebol que alie os resultados ao lado estético. Um futebol atrativo, com a participação de todos os jogadores nos vários momentos do jogo, Uma equipa afirmativa, a procurar controlar os jogos, a ter a bola, uma equipa em qualquer reduto a impor as suas ideias, que tenha uma identidade própria e que se adapte às exigências do jogo. Temos de também saber jogar sem bola", salienta o treinador serrano.

Durante uma pré-época atípica, durante a qual imperou a incerteza e a pandemia dificultou a data da chegada de jogadores, Daúto Faquirá acentua que uma das preocupações foi estimular os jogadores e mantê-los motivados quando a data para o regresso à competição era ainda uma incógnita.

"Quando temos objetivos definidos, torna-se mais fácil trabalhar para esse objetivo", frisa. As incertezas foram mitigadas com os jogos de preparação, para "assimilar ideias".

Daúto Faquirá refere que o plantel "está praticamente definido, com mais um ou outro elemento que está para chegar".

O grupo foi formado "em função da realidade do clube, das dificuldades".

"O clube pode não prometer o mesmo que outros, mas o que promete é cumprido", o que acaba por ser um argumento na hora de convencer jogadores que interessam.

O Sporting da Covilhã estreia-se na nova temporada em casa do Penafiel, segunda-feira, às 19H45, no Estádio 25 de Abril, numa partida arbitrada por Carlos Macedo, da AF Braga.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sp. Covilhã

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.